Estúdios Ouro Preto

Arquitetos Carlos Alberto Maciel, Ulisses Mikhail Jardim Itokawa
Colaboração Lucas Durães, Raquel Araújo
Local Sete Lagoas, MG, Brasil
Área Construída 2.082 m²
Projeto 2010
Construção 2016
Fotos Leonardo Finotti

O projeto do edifício Estúdios Ouro Preto sobrepõe dois programas em um único edifício: 10 apartamentos para comercialização nos primeiros pavimentos, e duas coberturas, para os proprietários, com acessos, estacionamentos e estrutura condominial independentes.

A legislação local limita a altimetria, nesta área, a 4 pavimentos, acrescidos de um pavimento de cobertura com no máximo 40% da área do pavimento tipo. O partido tradicionalmente adotado pelo mercado imobiliário local é o “H”, com 4 apartamentos por andar, em geral com baixa qualidade ambiental.

Considerando a localização em esquina e a possibilidade de vista, nas cotas elevadas, para a lagoa Paulino, localizada na área central, e para a Serra de Santa Helena, do lado oposto, a distribuição dos 10 apartamentos inferiores se faz transversalmente, assegurando a todas as unidades vista para a rua e acesso a um jardim privativo na divisa oposta, enquanto as coberturas apresentam organização longitudinal, favorecendo as visadas para a lagoa e sol nascente – do lado dos terraços – e para a Serra e o pôr do sol, do lado oposto.

Essa disjunção entre orientações da organização interna se equaciona construtivamente através de uma modulação rigorosa, que define o módulo básico dos apartamentos em linha – 3,00 metros de eixo -, e dos vazios centrais para iluminação e ventilação das áreas de serviço e utilidades.

Os apartamentos apresentam uma variedade de tipologias, com áreas variadas e quantidade de quartos – 1, 2 e 3 quartos – definidos a partir de pequenas variações na apropriação da lógica modular e da exploração das extremidades, que conformam exceções na regularidade construtiva.