Galeria Cosmococas

O projeto desta nova galeria tem por propósito integrar e ampliar o conjunto de espaços expositivos de Inhotim, acrescentando-lhe uma nova galeria desenvolvida especialmente para abrigar cinco obras da série Cosmococa (1973) de Hélio Oiticica e Neville d´Almeida.

O edifício é uma intervenção radical na topografia que reforça sua presença ambígua como um artefato de pedra construído, quando visto de baixo, e como uma cobertura verde que é uma continuidade da paisagem com sutis limites ortogonais, quando visto do alto, o que macula intencionalmente os limites entre edifício e paisagem.
A organização não hierárquica dos acessos e das salas expositivas para estimular indeterminação é associada com uma seqüência de mudança de escala e luz – a extensão da natureza, a transição coberta das entradas, o hall escuro e baixo e as salas expositivas.